35 Termos da Morfologia com conceitos e Exemplos
{ENTRE AGORA NO GRUPO NO WHATSAPP}
LIVROS CURSOS BLOG QUESTÕES CURSOS GRÁTIS ACESSAR

Entenda todos os termos da morfologia de forma objetiva

Mais de 35 conceitos da morfologia

Substantivo: é toda palavra que nomeia os seres em geral, como: lugares, pessoas, ações, objetos, sensações: Brasil, cavalo, bola, árvore, alegria...

O Brasil é um grande país.

Substantivo Próprio: é o substantivo que se inicia com letra maiúscula, como: nomes de cidades, estados, países, pessoas, instituições, empresas: Leonardo, Embratel, Minas Gerais...

A empresa Embratel está em crise.

Substantivo Comum: é o substantivo que se escreve com letra minúscula, como: animais, coisas, objetos, ações, natureza, lugares: carro, cavalo, prédio, árvore...

Comprei carros e cavalos ontem.

Substantivo Concreto: é o substantivo que existe por si só, esse substantivo se encontra no mundo espiritual, nos contos, no mundo real: carro, vento, saci, anjo, espírito, alma...

Deus é espírito e está em todo lugar.

Substantivo Abstrato: é o substantivo que depende de outro para que exista, como: ações, sentimentos, qualidade, estado:beijo, alegria, raiva, beleza, viuvez...

Ele deu um beijo na garota.

Substantivo Simples: é o substantivo formado por apenas uma palavra, ou seja, um radical: pedra, caneta, sol, tarde, cavalo...

Ele ganha muito dinheiro.

Substantivo Composto: é o formado por duas ou mais palavras: petróleo, girassol, planalto, couve-flor...

Gosto de comer couve-flor.

Substantivo Coletivo: é o substantivo que nomeia certo grupo, ou seja, uma palavra que representa um conjunto de seres, coisas ou ideias: quadrilha (ladrões), esquadra (aviões)...

A matilha me atacou ontem.

Gênero: é a mudança que um substantivo sofre para indicar se a palavra está no feminino ou masculino:  professor, professora, menino, menina...

garota viu o garoto na festa.

Número: é a mudança que um substantivo sofre quanto ao “singular” ou “plural”: artista(s), carro(s).

Os alunos compraram a Gramática Simplificada do Professor Leo.

Substantivo Uniforme: é o nome que apresenta apenas uma forma para o masculino ou feminino: estudante, jovem, testemunha...

O estudante faz curso de gramática no Português Play.

Substantivo Biforme: é quando há apresenta duas formas: masculino ou feminino: menino, menina...

A professora de português falou com o professor de matemática.

Substantivo Epiceno: é usado para animais e plantas, utilizando a palavra “macho” ou “fêmea” para que haja a distinção do sexo: a girafa fêmea - a girafa macho...

Comemos muito peixe aqui.

Substantivo Comum de Dois Gêneros: é quando o substantivo aceita os dois artigos ao mesmo tempo “o, a” ou “um, uma”: o / a estudante, o / a dentista...

Conhecemos vários jovens que fizeram o curso de português.

Substantivo Sobrecomum: é o substantivo que aceita apenas um artigo para designar o gênero: o animal, a criança, a alma...

A criança aprendeu gramática no Português Play.

Interjeição: é a palavra ou expressão que expressa “susto, admiração, espanto, surpresa”, seguida de “exclamação”:

Nossa! Meu Deus! Não acredito!

Conjunção ou Conectivo: é uma palavra cuja função é de interligar duas orações, criando um sentido entre elas: mas, todavia, e, portanto, ou, que, porque, porquanto...

Não vim, pois estava doente.

Locução Conjuntiva: é quando duas ou mais palavras exercem função de conjunção e na maioria dos casos, a locução termina com “que”:

À medida que eu estudo, mais aprendo português.

Adjetivo: é toda palavra que qualifica, especifica um substantivo, podendo vir antes, após, ou até afastado do substantivo: 

Tenho uma senhora casa.
Comprei uma casa linda
.

Locução Adjetiva: é o união de duas palavras com função de adjetivo, sendo formada  por duas classes: “preposição + substantivo”, normalmente, a locução adjetiva é trocada por um adjetivo:

A casa de madeira.
Dor de coração.
Festa de criança.
Homem sem coragem
.

Preposição: é uma palavra que liga dois termos: substantivo e substantivo, verbo e substantivo, adjetivo e substantivo... à - ao - a - ante - até - após - com - contra - de - desde - em - entre - para - per - perante - por - sem - sob - sobre - trás.

Ele foi para a loja agora.

Locução Prepositiva: é o encontro de duas palavras com função de preposição: à espera de, depois de, acima de...

Estava à procura de você na festa.

Contração: é a união de preposição “de, em” mais o artigo “o, a, um, uma” ou pronome “este, esta, isso, aquele, aquela, aquilo”. Na contração, há perda de letra: do, da, no, na, deste, daquele.

Ele falou do aluno.

Combinação: é junção de preposição com outra palavra. (ao, aonde, adiante, pelo). Nesse caso não há perda de letra: aonde, ao, pelo.

Aonde
ele vai hoje?

Advérbio: palavra invariável que modifica o verbo, o adjetivo ou o próprio advérbio, apresentando circunstância de modo, intensidade, lugar, negação, afirmação, instrumento, tempo, dúvida: não, nunca, sempre, rapidamente, muito, tão, de carro, com a faca, bem, agora, hoje, amanhã, certamente...

Certamente,
ele não saiu cedo.

Locução Adverbial: ocorre quando duas ou mais palavras apresentam ideia de advérbio. Essa locução ocorre com “preposição + substantivo”: às vezes, à tarde, com certeza, em geral, por dentro...

As vezes
estudo à noite.

Artigo Definido: palavra variável que vem antes do substantivo e com ele concorda, indicando o gênero (masculino ou feminino), podendo ser “o” e “a”:

As meninas compraram a casa.

Artigo Indefinido: palavra variável que vem antes do substantivo, indicando o gênero (masculino ou feminino), podendo ser “um” e “uma”:

Um homem esteve aqui.

Numeral: é a palavra variável que acompanha o substantivo e o quantifica: dois - triplo  - dobro.

Vi dois alunos na sala.
Quero o dobro de livros.

Pronome: é a palavra que substitui ou acompanha o substantivo:

Ele não pegou seu carro.
Vi um carro, acho que era o seu.

Pronome Pessoal Reto: refere-se a um substantivo dentro de uma frase ou texto. São (eu, tu, ele, nós, vós, eles):

Paula não virá, pois
ela está doente.

Pronome Pessoal Oblíquo: substitui o substantivo: se, te, me, nos, vos, ti, mim, si, nós, vós, contigo, consigo, lhe, consigo, conosco, convosco.

A menina nos ofendeu, e nós saímos da festa.

Pronomes Pessoais Tônicos: vêm sempre após preposição: si, ti, mim, conosco, convosco, contigo, consigo, já (ele, ela, nós, vós) após preposições.

Ela não vive sem ti, mas vive sem mim.

Pronomes Pessoais Átonos: não aceitam preposição antes deles e não apresentam a vogal “i”. São estes: se, te, me, nos, vos, o, a, lo, la, no, na, lhe.

Ela se cortou ontem e me falou o porquê.

Pronomes Possessivos: são todos os pronomes que indicam posse: seu, sua, teu, tua, meu, minha, nosso, nossa, vosso, vossa(s).

Pegue meu livro de português na mesa.

Pronomes Demonstrativos: são todos que indicam a posição em que um ser se encontra: este, esta, isto, aquele, aquela, aquilo, esse, essa, isso...

Tudo aquilo é do meu pai.

Pronomes Indefinidos: são palavras que se referem a algo ou a alguém de forma indeterminada: algo, alguém, todos, tudo, nada, ninguém, cada, outro, certo, qualquer, quem, pouco, nenhum, muitos...

Nada foi dito a ninguém.

Pronomes de Tratamento: é o pronome usado para se dirigir a uma determinada pessoa que exerce certo grau hierárquico ou função: Vossa Excelência, Vossa Majestade, Vossa Eminência , Vossa Senhoria.

Sei que Vossa Senhoria conhece o curso de português do Professor Leo.

Agora, você terá mais facilidade para aprender morfologia com esses conceitos. Aprenda mais com aulas completas em vídeos; nosso curso de português traz teoria, exercícios, questões em vídeo e vários arquivos para você baixar.

E-BOOK DE QUESTÕES COMENTADAS

BAIXAR AGORA
Close

50% Complete

Ebook 50 questões de CRASE

Baixe agora o Ebook com Dicas e Macetes do Prof. Leo