Questão Comentada da Banca IBFC Sobre Sintaxe

 

O verbo "há" é o filho do verbo "haver", note que o filho carrega a genética do pai. Vejamos, então, como esse verbo se classifica.

O verbo "haver", no sentido de existir, é considerado um verbo impessoal, ou seja, não apresenta sujeito em sua estrutura. Esse verbo apresenta três características essenciais:

Fica não singular
Apresenta objeto Direto
Contamina o verbo anterior 

Já mais coloque o verbo "haver" no plural, quando este apresentar o sentido de "existir"; não deve ir para o plural, já que não apresenta sujeito.

Havia pessoas na festa ontem.
Há pessoas na festa do Marcos.

Não apresenta sujeito, mas possui objeto direto. Essa é uma maldade nas questões de concursos públicos, pois a maioria dos estudantes acha que há sujeito.

Havia pessoas na festa ontem. = objeto direto
pessoas na festa do Marcos. = objeto direto

Em locuções verbais, os dois verbos devem ficar no singular, dado que o "haver" contamina o verbo anterior.

Deve haver festas.
Pode haver festas.
Vai ser festas.

Quando falamos em impessoalidade, queremos dizer que o verbo não apresenta sujeito, sendo chamado de verbo impessoal, isto é: sem pessoa!

Agora, você pode ampliar aprender sobre o verbo "haver". Certamente, você não errará mais, caso caia em um prova. Aprenda mais com nosso curso completo para a Banca IBFC.

 

POR QUE ASSINAR O PORTUGUÊS TOTAL?

O Português Total é composto de curso de gramática, interpretação, redação e questões comentadas. Você terá acesso a simulados e a materiais em pdf para baixar e suporte direto com o Professor Leo. Acesso por 1 ano aos cursos!

QUERO ASSINAR O PLANO
Close

50% Complete