Questões Comentadas de Português de Concursos Anteriores
OFERTA LIMITADA: ASSINE O PLANO DIAMANTE E LEVE JUNTO [GRAMÁTICA SIMPLIFICADA]

Simulados de Português Comentados

Vamos aprender mais sobre a língua portuguesa com algumas questões de concursos públicos. Comentarei casa alternativa para que assim você tenha a melhor compreensão.

1. O termo em destaque está classificado erradamente em:
a) A dos garotos é melhor. (pronome demonstrativo)
b) O homem são sabe o que faz. (adjetivo)
c) Os que chegaram são novos. (pronome relativo)
d) O infeliz falou muitas mentiras. (adjetivo)

a) Quando o "a" vier antes da preposição "de, do, da" e puder ser trocado pelo pronome demonstrativo "aquela", teremos um pronome demonstrativo: Aquela dos garotos é melhor. 

b) Sempre analise o contexto para classificar uma palavra quanto à morfologia; note que "são" faz papel de qualificar o substantivo "homem", logo temos um adjetivo.

c) Quando vier "o que", o "o" será pronome demonstrativo "aquilo" e o "que" será pronome relativo. A frase seria: Aqueles que chegaram são novos. Perceba que o pronome "que" substitui o pronome "o".

d) Toda palavra seguida de artigo, virá um substantivo, portanto a palavra "infeliz", dentro do contexto, deixa de ser adjetivo e torna-se um substantivo. Isso é chamado de substantivação. 

2. Vossa Excelência_____ fazer o que ____for possível, para que ____prestígio se mantenha.
a) deveis - vos - vosso 
b) deve - vos - seu 
c) deveis - lhe - seu
d) deve - lhe- seu
e) deveis - lhe - vosso 

O pronome de tratamento "Vossa Excelência" é muito cobrado nas provas de concursos públicos, por isso passarei algumas dicas e macetes:

Nunca empregue com esses pronome de tratamento os pronomes possessivos. "vossa, vosso" e nem os pronomes oblíquos "vos, vós"; deve-se empregar os pronomes possessivos "seu, sua" e os pronomes oblíquos "lhe, se". 

Além disso, o verbo deve sempre concordar com o pronome reto "ele ou ela", isto é, o verbo ficará na terceira pessoa do singular.

Vossa Excelência deveis fazer o que vos for possível para que vosso prestígio...

Essa frase está totalmente erra em relação a norma culta da língua portuguesa; muitas pessoas pensam que por ser o pronome "Vossa Excelência" o verbo deve concordar com "vós", isso é errado.

Vossa Excelência deve fazer o que lhe for possível para que seu prestígio...

Ela deve fazer o que lhe for possível para que seu prestígio...

Basta trocar o pronome de tratamento pelo pronome reto "ele / ela" e verá que ficará mais fácil fazer a devida concordância entre os termos.

3. O período cujo termo destacar NÃO apresenta complemento nominal é:
a) A credulidade da vítima era inabalável.
b) Era-lhe difícil a solução do problema.
c) Chegou cheio de problemas.
d) Não se discuta a exceção da ordem.

Quando houver as preposições "de - do - da", o estudante deve tomar muito cuidado, pois o termo poderá ser adjunto adnominal ou complemento nominal. Para isso, vamos a uma superdicas do Professor Leo. 

Adjunto adnominal = ATIVO (O termo é agente.)

Complemento nominal = PASSIVO (O termo é paciente.)

Para isso, vamos sempre tentar encontrar o agente, fazendo a pergunta: 

a) Quem tem incredulidade? 
Note que a resposta é "a vítima" é o agente, ou seja: faz a ação sobre o termo "incredulidade.

b) Quem solucionou?
Note que a resposta é "alguém", logo o termo "do problema" não pode ser agente, sendo automaticamente um paciente e, por isso, desempenhando a função de complemento nominal.

c) Quem está cheio?
A resposta é "alguém"; podemos concluir que  "de problemas" só pode ser complemento nominal. Note que fica bem mais fácil tentar encontrar o agente; sempre que a resposta for identificada na frase, teremos uma adjunto adnominal.

d) Quem executou?
Perceba que a resposta é "alguém", por isso o termo "da ordem" é passivo e será complemento nominal. 

Outra dica muito legal: sempre que houver a preposição "da - do", é possível colocar a frase na voz passiva, sendo, então, um complemento nominal.

b) Era-lhe difícil a solução do problema. = O problema foi solucionado.
d) Não se discuta a execução da ordem. = A ordem foi executada.

Certamente, essas superdicas e comentários ajudarão muito você em seus estudos. Lembrado que temos um supercurso de português completo para concursos e estudantes. Clique aqui e faça parte do melhor curso de língua portuguesa do Brasil.

Aprenda mais com nosso curso completo e se prepare para quaisquer concursos públicos. Faça parte do nosso curso de português completo para concursos públicos e vestibulares. Aprenda de forma clara e objetiva com a didática do Professor Leo.

GABARITO: 1-D / 2-D / 3-A

PORTUGUÊS TOTAL POR 1 ANO + GRAMÁTICA SIMPLIFICADA

APENAS 12X48.62
Close

50% Complete

Ebook 50 questões de CRASE

Baixe agora o Ebook com Dicas e Macetes do Prof. Leo