Dicas de Português Para Concursos Públicos

Como Conjugar Verbos com Prefixos

 

A conjugação de verbos é uma matéria que deixa os concurseiros e estudantes como o "cabelo em pé", mas hoje passarei uma dica para ajudar você a conjugar corretamente os verbos.

Primeiramente, vamos aprender quais são os verbos que mais tendem a ser cobrados nas provas de língua portuguesa e os que mais aparecem nos concursos públicos.

TER - VER - VIR - PÔR

Gosto de chamá-los de "Quarteto Fantástico"! Eles, normalmente, vêm acompanhados de prefixo (termo que vem antes da palavra primitiva). Os prefixos mais comuns são:

PRE,  ENTRE - CON - A - DE - RE - PRO!

Então, devemos conjugar os verbos primeiramente, depois acrescentar o prefixo ao verbo e teremos a conjugação correta:

Eu tenho (entre) = entretenho
Tu tens (entre) = entretens
Ele tem (entre) = entretém
Nós temos (entre) = entretemos
Vós tendes (entre) = entretendes
Eles ...

Quero aprender mais...

Questões de Português Comentadas em Vídeo

1. Assinale a alternativa em que a divisão silábica e a grafia estejam corretas:
a) pneu.mo.nia – mi.sé.ria – pré-his.tó.ria
b) as.ces.so.ris.ta – e.clíp.se – rein.vin.di.ca.ção
c) a.po.ca.líp.ti.co – as.ses.so.ri.a – oc.to.ge.ná.rias
d) con.tra-che.que – se.xa.ge.ná.ri.a – psi.co.lo.gi.a

2. O emprego correto do pronome está em: 
a) O diretor mandou eu entrar na sala.
b) Cumprimentou ele na festa. 
c) Informei-lhe de tudo assim que cheguei.
d) Os doidos têm a mania de conversar consigo.
e) Após a prova, os candidatos conversaram entre eles.

COMENTÁRIO DA QUESTÃO

3. A alternativa incorreta quanto à concordância nominal: 
a) Bastantes pessoas faltaram bastante na reunião.
b) Vai incluso ao documento a minha procuração.
c) Aquelas pessoas cometeram crime de leso-patriotismo. 
d) É...

Quero aprender mais...

Como Elaborar sua Redação

 

A redação é uma das matérias mais cobradas em concursos públicos e vestibulares, principalmente no ENEM! Por isso, postaremos frequentemente dicas rápidas para você aprender a redigir sua redação de forma mais eficiente.

Vamos entender a diferença entre frase, período e oração para que assim você entenda melhor como elaborar seu texto.

Frase é tudo que apresenta sentido, podendo ter ou não verbo. A frase não se limita a apenas o ponto final, pois em um ponto final pode haver mais de uma frase. Ela pode ser nominal (sem verbo) e verbal (com verbo). No seu texto, não empregue frases nominais, apenas verbais.

Paula estudou ontem. 
Bom dia, meus amigos.
Estudo, trabalho, viajo.

Oração é todo enunciado que apresenta verbo em sua estrutura. Na redação, preze por frases que apresentem verbos, evitem frases nominais.

O garoto...

Quero aprender mais...

Dicas de Acentuação e Hiato em 1 Minuto

 

Com as mudanças das novas regras ortográficas, muitas pessoas ficam com dúvidas se algumas palavras continuam ou não com acento gráfico. Hoje falarei sobre os verbos: crê - dê - lê - vê, os quais sofreram alterações.

Dica 1

Esses verbos continuam com acento quando o sujeito estiver no singular, recebendo sempre o acento circunflexo. Lembre-se também de que esses verbos são acentuados por obedecerem à regra dos monossílabos tônicos, sendo acentuados os terminados em "a, e, o" seguidos ou não de "S".

Ele crê.
Ele vê.
Ele lê.
Ele dê.

Quando o sujeito estiver no plural, o acento gráfico deixa de existir. Para ficar mais fácil, basta gravar que vogais idênticas não levam mais acento:

Eles creem
Eles veem.
Eles leem.
Eles deem.



Note que o plural desses verbos é bem simples, bastando apenas acrescentar "em" e retirar o...

Quero aprender mais...

Questões Comentadas da Banca FCC - Regência e Pronomes

 

A imitação, que tem papel fundamental nas artes cênicas, onde a prática, a repetição e o ensaio incessantes são imprescindíveis... (4o parágrafo)  Sem prejuízo para a correção e o sentido, o segmento sublinhado acima pode ser substituído por:

(A)  o qual é papel fundamental

Note que o pronome relativo retoma o substantivo feminino "imitação", logo não se pode empregar o pronome relativo "o qual", uma vez que esse elemento coesivo se encontra com artigo masculino "o". A frase ficaria incorreta quanto ao aspecto gramatical. Lembre-se de que o pronome "qual" é o único seguido de artigo, com o objetivo de tornar a frase mais clara.


(B)  cujo papel é fundamental

Uma dica é saber que o pronome relativo "cujo" será empregado entre dois substantivos; note que ele se encontra entre os substantivos "...

Quero aprender mais...

Entenda todos os termos da morfologia de forma objetiva

Mais de 35 conceitos da morfologia

Substantivo: é toda palavra que nomeia os seres em geral, como: lugares, pessoas, ações, objetos, sensações: Brasil, cavalo, bola, árvore, alegria...

O Brasil é um grande país.

Substantivo Próprio: é o substantivo que se inicia com letra maiúscula, como: nomes de cidades, estados, países, pessoas, instituições, empresas: Leonardo, Embratel, Minas Gerais...

A empresa Embratel está em crise.

Substantivo Comum: é o substantivo que se escreve com letra minúscula, como: animais, coisas, objetos, ações, natureza, lugares: carro, cavalo, prédio, árvore...

Comprei carros e cavalos ontem.

Substantivo Concreto: é o substantivo que existe por si só, esse substantivo se encontra no mundo espiritual, nos contos, no mundo real: carro, vento, saci, anjo, espírito, alma...

Deus é...

Quero aprender mais...

Funções do A de Forma Simples e Objetiva

Hoje, falarei sobre as classificações que o "a" pode receber tanto na parte morfológica quanto na parte sintática. Ele não só pode ser um artigo como também poderá exercer a função de pronome, preposição.

Funções Morfológicas

Artigo

O artigo deve sempre acompanhar o substantivo, portanto se uma palavra vier seguida de artigo, ela será considerada um substantivo. O artigo é dividido em definido e indefinido, todavia, para que o "a" seja artigo, é necessário que ele não só esteja ao lado do substantivo como também concorde em número e gênero com tal termo.

A menina chegou ontem.
Vimos as garotas na festa.
Ele conheceu a jovem.

Preposição

A preposição ocorrerá em todos os casos proibidos de crase, veremos  cada um desses passos agora:

Antes de plural
Vou a festas de jovens ricos.
...

Quero aprender mais...

Questões Comentadas Banca FGV - Pronomes

 

A substituição de termos por pronomes oblíquos é muito comum nas provas de concursos públicos, estude sempre esse tópico. Antes de comentar a questão, vamos entender melhor a matéria:

Em verbos terminados em "R - S - Z", basta cortar essas letras e substituir o substantivo por "LO - LA", conforme o gênero e número.

Fiz a lição ontem. = Fi-la ontem.
Pus o livro ali. = Pu-lo ali.
Vou contar a verdade. = Vou contá-la.

Verbos que apresentam "TIL ou M", basta substituir o substantivo por "NO - NA", conforme o gênero e número.

Fizeram o trabalho. = Fizeram-no.
Põe o livro aqui. = Põe-no aqui.

Verbos terminados em "VOGAIS", basta substituir o substantivo por "O - A", conforme o gênero e número.

Vi a menina na festa. = Vi-a na festa.
Eu amo ela muito. = Eu amo-a muito.

Note que esses pronomes oblíquos só poderão substituir OBJETO DIRETO,...

Quero aprender mais...

Como Diferenciar o Adjunto Adnominal do Complemento Nominal

Adjunto adnominal 

Sempre que o termo preposicionado estiver ligado a substantivo concreto, será adjunto adnominal; já se estiver ligado a substantivo abstrato, ele deverá ter sentido ativo, isto é: praticar ação sobre o substantivo.

Substantivo concreto + de = adjunto adnominal

O anel de ouro = substantivo concreto
O livro do garoto = substantivo concreto
A mulher do vizinho = substantivo concreto

Perceba que todos os termos preposicionados estão ligados a substantivo concreto, portanto eles exercem a função de adjunto adnominal.

Complemento Nominal

Sempre está ligado a substantivo abstrato, nunca a substantivo concreto. 

Substantivo abstrato + de = poder ser complemento nominal

O medo de escuro = substantivo abstrato
A ida ao parque = substantivo abstrato
A descoberta do Brasil = substantivo abstrato

Diferença entre  o Adjunto Adnominal e Complemento Nominal

...

Quero aprender mais...

Questões Comentadas de Acentuação Gráfica

1. A alternativa em que não há erro de acentuação gráfica é: 

a) distrai-los
b) transferí-los
c) hífens
d) rubrica

a) Deve ser acentuada por ser um hiato: dis-tra-í. Quando houver pronome oblíquo, basta excluí-lo da palavra e analisar qual regra a palavra pertence. Lembre-se de que no hiato ocorre (vogal + í) ou (vogal + ú), sendo apenas essas duas vogais acentuadas.

b) Não se acentua oxítona terminada em "i", apenas as oxítonas terminadas em "a, e, o, em, ens". 

c) As paroxítonas terminadas em "a, e, o, em, ens" não são acentuadas; já as demais terminações receberão acento.

d) A palavra "rubrica" é uma paroxítona terminada em "a", por isso não recebe acento; muitas pessoas pronunciam essa palavra como proparoxítona, o que é totalmente errado.

2. Assinale a...

Quero aprender mais...
Close

50% Complete

Ebook 50 questões de CRASE

Baixe agora o Ebook com Dicas e Macetes do Prof. Leo