Questão de Acentuação Gráfica Comentada por Meio de Dicas

A acentuação gráfica é um assunto recorrente nas provas de língua portuguesa, por isso é importante dominar tal assunto; você sabe que uma questão poderá fazer muita diferença em sua classificação. Veja dicas e macetes para não errar mais nas provas de concursos com o Método Simplificado do Professor Leo.

a) A palavra "período" é uma proparoxítona, sendo separada: pe-rí-o-do. Note que o acento é na terceira sílaba (antepenúltima). Note que a separação silábica é essencial para que você não erra acentuação gráfica.

Toda proparoxítona é acentuada, ela deve ter pelo menos três sílabas, isto é, deve ser trissílaba ou polissílaba; não precisa se preocupar com a terminação:

matetica
química
psico...

Quero aprender mais...

Questão de Português Comentada Sobre Crase

A crase é a fusão de "a" preposição + "a" artigo", podendo também ser a fusão de preposição "a" + pronome demonstrativo "aquele, aquela, aquilo". Note que na fusão, ocorre perda de letra.

a + a = à
a + aquele = àquele
a + aquela = àquela
a + aquilo = àquilo

Crase: fusão de preposição + artigo ou pronome
Acento grave = sinal usado para indicar que houve crase

a) No pronome demonstrativo "aquela", basta trocar por "a esta"; caso seja possível tal troca, haverá o acento grave, por isso empregaremos o sinal indicativo de crase (acento grave):

Estudarei àquela hora.
Estudarei a esta hora.

b) O pronome "aquele", se trocado por "ao", haverá o emprego do sinal grave "àquele", pois mostra a fusão de preposição + pronome demonstrativo.

Fui àquele jantar.
Fui ao jantar.

c) O termo "a noite" exerce a função de...

Quero aprender mais...

Aprenda a Empregar Onde e Aonde, Mal e Mau Agora

Nesta questão de ortografia, você aprenderá algumas dicas de ortografia as quais, certamente, farão a diferença em seus estudos.

a) "mal-humorado" é grafado com "mal", pois pode ser substituído por "bem": mal-humorado = bem-humorado.

mal = bem (advérbio)
mau = bom (adjetivo)

Não confunda "mau-humor" com "mal-humorado", por isso é importante fazer a troca. Quando se quer intensificar um adjetivo, deve-se empregar o advérbio "mal = muito". 

b) O termo "aonde" deve indicar "movimento"; já o termo "onde" indica lugar "fixo", sem movimento. O correto seria: Onde estava você?

onde = lugar fixo
aonde = ideia de movimento

Aonde você vai?
Aonde ela pretende ir?
Onde você mora?
Onde está o menino.

O termo "aonde" é formado por "a + onde", essa preposição "a" será exigida, em regra, pelo verbo, indicando normalmente um adjunto adverbial.

c) O adjetivo "mau"...

Quero aprender mais...

Questões de Concursos Comentadas - Como Encontrar Sujeito

Para encontrar o sujeito em qualquer período, basta questionar o verbo. Antes de achar o objeto direto, encontre sempre o sujeito primeiro com uma destas perguntas:

Verbo + o quê? 
Quem + Verbo?

Lembre-se de que o sujeito comanda o verbo, por essa razão o foco é sempre encontrá-lo e questioná-lo. 

a) Vende-se LOTE.

Vende-se o quê? Resposta "LOTE". O sujeito é lote. Nesse caso, ocorre o sujeito simples  por haver a partícula apassivadora SE; ela indica que o período se encontra na voz passiva sintética.

Mas não seria objeto direto? NÃO! Por isso fica a dica: sempre encontre o sujeito antes de encontrar o objeto direto. A maldade está aí. 

Eu aprendi que sujeito é quem pratica a ação. Então, você aprendeu quase certo, rssss! O sujeito é a palavra que comanda o verbo. 

b) TUDO cura o tempo.

Quem cura? Resposta "O TEMPO"....

Quero aprender mais...

Questões de Português - Regência Verbal

Nesta questão, você aprenderá a regência verbal do verbo "informar", um dos verbos que mais é cobrado nas provas de concursos públicos. Aprenda dicas e macetes de forma simples com o Método Simplificado do Professor Leo.

A) Não se emprega "lhe" e "de" juntos, pois os dois indicam objeto indireto; o verbo deve ter um objeto direto e outro objeto indireto. Lembre-se de que o pronome  "lhe", em regra, faz papel de objeto indireto; a preposição "de" também. A frase ficaria correta assim:

Informou-lhe de que viria = errado
Informou-lhe que viria. = correto

B) Note que há dois objetos diretos: o pronome oblíquo "o" e a conjunção "que"; a frase deve apresentar um objeto direto e outro objeto indireto, portanto a forma correta seria:

Informou-o que viria. = errado
Informou-o de que viria. = correto

C) O termo "a ela" exerce a função de objeto indireto, dado que ocorre a...

Quero aprender mais...

Questões de Português Comentadas 02

Comentário comentado pelo Professor Leo para você aprender dicas e macetes; leia com calma e se tiver dúvida, conte comigo.

a) O verbo "casar" é um verbo pronominal quando indicar sentido de relacionar-se; portanto o verbo precisa de um pronome oblíquo átono: Eles se casaram ontem.

Eu me caso.
Ele se casa.
Nós nos casamos.

Note que o pronome oblíquo deve acompanhar o verbo, ficando errado gramaticalmente se ficar sem tal pronome. Poderia ter outro sentido: casar alguém.

Ele casou o filho ontem. 

b) Quando houver um verbo no futuro do pretérito (verbo com a desinência "ria") ou futuro do presente (verbo com desinência "re - rá - rão"), deve ocorre a mesóclise - pronome fica no meio do verbo.

1. Deixe o verbo até a consoante "r";
2. Acrescente o pronome oblíquo;
3. O restante do verbo ficará depois do pronome.

Der-lhe-ei a verdade amanhã.

c) Quando houver um...

Quero aprender mais...

Questões de Português

Os substantivos podem ter várias formas de plural; por isso apresentarei algumas dicas que certamente facilitarão seus estudos, também você saberá se comunicar de forma correta quando estiver conversando com as pessoas. Não passe mais vergonha, aprenda agora algumas dicas.

Comentário do Professor Leo

a) Em palavras terminadas em Z, basta acrescentar ES:
arroz = arrozes
gravidez = gravidezes
 
b) Em palavras terminadas em U, basta acrescentar S:
troféu = troféus
degrau = degraus
 
c) Em palavras terminadas em L, basta trocar o L por IS; algumas palavras aceitam duas formas:
mel = meles / méis
pastel = pastéis / álcool = álcoois

O substantivo "mel" aceita duas formas: meles ou méis. Muito cuidado com substantivos que aceitam duas formas de plural.
 
d) O diminutivo no plural se faz:
PLURAL - S + ZINHOS
Bar = bares + zinhos = barezinhos
Chapéu = chapéus +...
Quero aprender mais...

Como Estudar Português

 

Nesta aula você aprenderá qual a ordem correta para aprender português de vez; entenda que existe uma ordem para ser seguida e que se fizer isso, certamente terá um aprendizado mais sólido.

A gramática se divide em 4 partes, logo abaixo você verá quais são elas. Estude sempre  por parte e só avance para outra parte caso tenha terminado uma.

Parte 1  = Fonologia

Fonética
Separação silábica
Acentuação gráfica
Formação de palavras
Ortografia
Homônimos e parônimos
hífen

Parte 1 = Morfológica

Artigo
Substantivo
Numerais
Adjetivos
Pronomes
Verbos 
Conjunções
Advérbio
Preposição
Interjeição

Parte 3 = Período Simples

Sintaxe
Vozes verbais
Colocação pronominal
Funções do QUE e SE
Regência verbal e nominal
Concordância verbal e nominal

Parte 4 =...

Quero aprender mais...

Questão de Português Comentada de Forma Objetiva

COMENTÁRIO DO PROFESSOR LEO

a)Antes de encontrar o objeto direto nas frases, procure sempre encontrar o sujeito. Sempre questione o verbo: Quem + verbo? Quando houver a partícula apassivadora "se", use: o que + foi + verbo?

O que foi informado? Resposta: o horário
Portanto, "o horário" assume a função de sujeito na frase; não de objeto direto: O horário foi informado ao aluno.

b) Ocorre apenas a presença de objeto indireto "ao aluno"; muito cuidado com a ideia de quem informa informa algo a algo; analise sempre a frase e pare de "decoreba", rssss....

Ele informou ao aluno o horário.
                      #
Informou-se ao aluno o horário.

Perceba que na primeira frase alguém informa ao aluno o horário; já, na segunda, ocorre a voz passiva sintética, indicando que o horário é informado aos alunos. 

c) O sujeito...

Quero aprender mais...

3 Dicas de Redação para Obter Nota Máxima nas Redações

 

Uma redação é uma das matérias mais importantes na prova de concursos públicos, vestibulares ou em uma seleção. Diante disso, separe 3 dicas infalíveis para você "detonar" em qualquer prova que contenha redação.

* Dica de redação 01

Nunca repetir conjunções no decorrer da redação, principalmente, no mesmo parágrafo. Sempre empregue uma conjunção diferente para deixar seu texto melhor ; uma repetição de conexão demonstra que o candidato não sabe outros elementos de sinônimos.

Se você já empregou uma conjunção "mas" no primeiro parágrafo, pode usar seus códigos sonoros demais, por exemplo: caso queira usar uma idéia de oposição: todavia, porém, entretanto, no entanto, entretanto ...

Sempre procure empregar três conectivos em cada...

Quero aprender mais...
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16
Close